Servidores da Celesc da Grande Florianópolis deram início, na manhã desta terça-feira, a uma paralisação que deve durar 24 horas. Eles reclamam da falta de qualidade no atendimento e a precariedade no material de trabalho, devido à falta de gerenciamento da regional.

A paralisação começou às 6h e inclui os funcionários dos 16 municípios atendidos pela regional da Grande Florianópolis. De acordo com o coordenador do Sindicato dos Eletricitários de Florianópolis e Região (Sinergia), Mário Jorge Maia, a paralisação não compromete a distribuição de energia e os atendimentos de emergência serão mantidos.

Ainda de acordo com Maia, haverá uma reunião na tarde desta terça-feira na sede do Sinergia, em Florianópolis, para definir o que será feito após a paralisação.

DIÁRIO CATARIENSE
 DC Recomenda
 
 Comente essa história