Autor do requerimento aprovado nesta quarta-feira pela Comissão de Agricultura, que convoca o ministro-chefe da Casa Civil Antonio Palocci a prestar esclarecimentos na Câmara, o deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) não descarta a possibilidade da convocação ser revertida no plenário pela base governista, mas considera que o preço político da manobra seria "brutal" e agravaria ainda mais a crise no governo.

— É evidente que com a maioria aliada o governo pode, num ato de força, derrubar o requerimento. A questão é se que vale a pena toda essa mobilização, essa demonstração de força, para reverter uma simples convocação. Se isso ocorrer, a crise que envolve o ministro Palocci vai tomar outras dimensões — afirmou.

Questionado sobre as críticas dos deputados da base feitas à manobra do DEM para garantir a aprovação do documento, ele disse que a oposição apenas usou estratégia.

— Os deputados da base dormiram. No momento da votação inúmeros parlamentares estavam desatentos. Nós seguimos todos os passos necessários do ponto de vista regimental, agora usar estratégia é da regra do jogo. O fato de convocar Palocci na Comissão de Agricultura foi porque é onde o DEM tinha capacidade de atuar, e estávamos inclusive no comando, já que em outras comissões o governo vem nos bloqueando. E também porque várias empresas ligadas ao agronegócio teriam utilizado a assessoria de Palocc — disse.

— Quando a Dilma [Rousseff] estava na Casa Civil ela também foi questionada, foi na Câmara e saiu de um questionamento para a Presidência da República. Por que o ministro Palocci não pode fazer o mesmo? — questiona Onix.

A polêmica deve ser resolvida pelo presidente da Casa, deputado Marco Maia (PT-RS).
ZERO HORA
 DC Recomenda
 
 Comente essa história