iPhone 5 começa a ser vendido em Santa Catarina Cristiano Estrela/Agencia RBS

Henrique Madeira, 26 anos, foi o primeiro a comprar o novo smartphone da Apple

Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

Anunciado pela Apple em setembro, o iPhone 5 chegou ao Brasil à 0h desta sexta-feira. Algumas lojas do país, como a da operadora Telefônica Vivo no Shopping Iguatemi, em Florianópolis, abriram as portas às 23h30min para organizar a procura dos consumidores. As operadoras Oi e Claro também começaram a vender o último smartphone da Apple à 0h em suas respectivas lojas no Continente Park, em São José.

Na loja da Capital, o coordenador administrativo Henrique Madeira, 26 anos, foi o primeiro a comprar o novo smartphone da Apple. Desde as 18h, ele aguardava a abertura da loja para experimentar as funcionalidades do iPhone 5. Para Henrique, usuário das três versões anteriores, o design com a lateral preta também é uma novidade.

Entre as principais diferenças em relação ao modelo anterior, o iPhone 5 traz uma tela de quatro polegadas, processador A6 dual-core e é mais fino e mais leve. Os aparelhos desbloqueados custam entre R$ 2,4 mil (versão 16 GB) e R$ 3 mil (modelo de 64 GB).

A Telefônica Vivo informou que está vendendo o iPhone 5 a partir de R$ 1.449, dependendo do plano contratado e da pontuação do cliente no Programa Vivo Valoriza. A TIM, que abriu lojas da operadora à 0h em nove cidades (Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Recife, Salvador e Belém), vendeu aparelhos a preços promocionais, entre R$ 1.999 (16 GB) e R$ 2.599 (64 GB).

A Oi vende os aparelhos a partir de R$ 2.399 (16 GB), e a Claro, no plano Claro Ilimitado 600, com mensalidade de R$ 353,70, a partir de R$ 1.250 (16 GB). Disponível em 47 países, o aparelho fez um grande sucesso em todos os lugares em que foi lançado até agora. Apenas nos Estados Unidos, mais de 2 milhões de aparelhos foram vendidos nas primeiras 24 horas.

DIÁRIO CATARINENSE
 DC Recomenda
 
 Comente essa história