Schroeder encerra Copa Brasil de Canoagem de Descida  Germano Rorato/Agencia RBS

Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

O fim de semana foi de muita água e adrenalina para os 68 atletas que participaram da última etapa da Copa Brasil de Canoagem de Descida que aconteceu no Rio Bracinho, em Schroeder. O evento organizado pelo Clube de Canoagem Kentucky, de Jaraguá do Sul, começou na sexta-feira quando foram recebidos os atletas que vieram de diversos estados do País, e seguiu até domingo com a premiação dos vencedores da etapa e classificação geral. 

No sábado, foram abertas as comportas da Usina da Celesc para maior vasão de água no Rio Bracinho e, neste dia, ocorreram as competições de rapid racing, prova realizada em pequenas distâncias. A campeã geral da modalidade foi a dupla Adilson Pommerening e Marcos Zanghelini, da região de Jaraguá, que fez o menor tempo percorrendo 800 metros de corredeiras em 3 minutos e 40 segundos. A categoria rapid racing foi apenas festiva e não valeu pela competição oficial.

Neste domingo, as competições oficiais da Copa Brasil de Canoagem de Descida começaram às 10 horas com encerramento no começo da tarde. Os campeões da etapa foram na categoria K1 de descida, Ronaldo Luiz Araújo, de Colatina (ES) e na C1 Miguel Ferreira Mulin, de Santo Antônio de Pádua (RJ). Com o resultado da etapa de Schroeder, os dois vencedores se tornaram campeões brasileiros nas suas categorias.

Na categoria C2, a dupla Adilson Pommerening e Marcos Zanghelini, de Schroeder e Jaraguá, foram os vencedores na etapa e na classificação geral. Já na categoria duck misto na última etapa venceram Vilson Völz e Francislei Fagundes, ele de Schroeder e ela de Jaraguá e que ficaram como vices na classifcação  geral. Os campeões desse categoria na classificação geral são Guilherme Mulin e Gisele Mulin, de Santo Antônio de Pádua (RJ).

Segundo Adilson Pommerening, organizador local da etapa em Schroeder, este foi o primeiro ano que a Copa Brasil de Canoagem de Descida contou com as categoria C1 e C2 que são praticadas há tempo na Europa. Com isso, no ano que vem, os selecionados dessas categorias poderão ser convocados para participar da competição mundial de canoagem que deve ainda ter data e País a ser divulgado.
 

A NOTÍCIA
 Veja também
 
 Comente essa história