Mais dez estabelecimentos devem ser interditados em Florianópolis Divulgação/Polícia Civil

Ação da gerência de jogos e diversões começou na noite de quarta e deve prosseguir nesta segunda-feira

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Os cinco postos de combustíveis e a casa noturna que foram interditados em Florianópolis na operação Abastecimento Seguro da Polícia Civil seguem fechados. O motivo é a falta do alvará policial, que leva em conta entre outras questões a segurança do local. Segundo informações da delegada responsável pela gerência de jogos e diversões da Polícia Civil, Michele Correa, aproximadamente mais 10 estabelecimentos, sendo a maioria postos de combustíveis, devem ser interditados a partir de segunda-feira na Capital.

Os postos que já foram interditados ficam nos bairros Ingleses (norte da Ilha), Santa Mônica, Jurerê e SC-401. A casa noturna fica no Rio Tavares.

Esses estabelecimentos, segundo a delegada, ainda não apresentaram a documentação necessária para conseguir o alvará.

— Os estabelecimentos chegaram a apresentar um madado de segurança, mas não tiveram êxito — explica.

A ação foi uma sequência da primeira etapa realizada em maio com o objetivo de notificar os postos de combustíveis irregulares em Florianópolis. Dos 121 postos, apenas 49 se regularizaram com a Polícia Civil até agora.

DIÁRIO CATARINENSE - Diário Catarinense
 Veja também
 
 Comente essa história