Trânsito vai ter alterações durante obras do elevado o Rio Tavares Marco Favero/Agencia RBS

Construção da estrutura promete desafogar o trânsito no Sul da Ilha, por onde passam 53 mil veículos diariamente

Foto: Marco Favero / Agencia RBS

Dentro de 15 dias o trânsito de quem sai da Lagoa da Conceição em direção ao Sul da Ilha deve mudar em função das obras do elevado do Rio Tavares, que iniciaram na última segunda-feira. Os motoristas terão duas opções de desvio: Avenida Campeche e Rua Pau de Canela. A Polícia Rodoviária Estadual e o Deinfra farão a sinalização adequada para organizar o tráfego e amenizar os impactos.

Em entrevista ao Jornal do Almoço na manhã desta quinta-feira, o prefeito Cesar Souza Junior destacou a importância da construção: 

— É uma obra que vai mudar a história do Sul da Ilha. Uma obra que impõe grandes
desafios arqueológicos, desapropriações, de obras, e de gestão do trânsito — disse.

Obras do elevado do Rio Tavares recomeçam com mudanças no projeto

O projeto original foi alterado para ajustar o futuro corredor de ônibus Sul, e a previsão é que a primeira etapa fique pronta em 18 meses - ou seja, no final de 2016. O secretário de obras Rafael Hahne explica a alteração vai dar prioridade para o fluxo maior de veículos, que é do Sul da Ilha para o Centro e vice-versa: 

— Já adaptamos pensando no futuro, quando a cidade vai receber o corredor Sul. O elevado é uma obra planejada, com recurso assegurado. É claro que ela é pontual. Vai ter que ter a complementação dos investimentos, em todo o seu entorno, para garantir um fluidez em toda a região Sul da ilha — disse ao JA.

Topografias e estudos arqueológicos são iniciados nas obras do elevado do Rio Tavares



A obra

Valor: R$ 15 milhões
Prazo: 18 meses
Elevado: terá 220 metros e fará a ligação em forma em forma de anel, ligando a SC-405 e a rodovia Dr. Antônio Luiz Moura Gonzaga, que une o Rio Tavares e o Campeche à Lagoa da Conceição.

HORA DE SANTA CATARINA
 Veja também
 
 Comente essa história