Conta de luz subirá 3,61% no Estado Marco Favero/Agência RBS

Serão afetadas 2,7 milhões de unidades consumidores

Foto: Marco Favero / Agência RBS

A conta de luz terá um aumento médio de 3,61% em Santa Catarina. O reajuste nas tarifas da Celesc foi aprovado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta quarta-feira.  Os novos valores serão aplicados a partir desta sexta-feira, dia 7 de agosto. Serão afetadas 2,7 milhões de unidades consumidoras.

Para os consumidores residenciais, o aumento será de 3,63%. Já para as indústrias, o acréscimo será de 3,59%. É o segundo reajuste de energia neste ano, que também se soma à cobrança de bandeiras tarifárias.

Aneel muda cálculo da tarifa de energia para 2015

Ao calcular o reajuste, a Agência considerou a variação de custos que a empresa teve no ano. O cálculo inclui custos típicos da distribuição, energia comprada, encargos setoriais e de transmissão.

Confira abaixo os percentuais de variação por classe de tensão:

Alta Tensão em média — 3,59%
Baixa Tensão em média — 3,63%
Média (Baixa Tensão e Alta Tensão) — 3,61%

A baixa tensão engloba classes B1 (Residencial e subclasse residencial baixa renda); B2 (Rural (subclasses, como agropecuária, cooperativa de eletrificação rural, indústria rural, serviço público de irrigação rural); B3 (Industrial, comercial, serviços e outras atividades, poder público, serviço público e consumo próprio); e B4 (Iluminação pública).

Projeção apontava para aumento de 62% na energia elétrica em Santa Catarina

DIÁRIO CATARINENSE
 Veja também
 
 Comente essa história