Como economizar trocando industrializados por alimentos in natura Gabriel Renner/Arte ZH

Foto: Gabriel Renner / Arte ZH

A praticidade que a indústria oferece com produtos pré-prontos e cheios de sabor às vezes é indigesta para o bolso. Parte dos alimentos congelados ou em caixinhas podem custar quatro vezes mais do que os in natura. Levantamento de ZH considerando preços em Porto Alegre mostra que preparar um mix de cereais em casa sai 50% a menos do que um industrializado comprado no supermercado.
 
— Além de mais caros, os industrializados muitas vezes perdem nutrientes na produção e trazem aditivos que não fazem bem ao organismo — pontua o nutricionista Bruno Reinstein.

Soluções caseiras podem amortecer a alta dos preços de alimentos nos últimos meses, que ronda os 10%. Um litro de néctar de laranja — vendido como suco — pode custar quase três vezes mais do que a mesma quantidade de laranja para preparar a bebida em casa. No entanto, traz apenas 40% de fruta, já que o restante é água e açúcar, conforme nutricionistas. 

— Vale a penas preparar em casa mesmo algo que seja um pouco mais caro e trabalhoso. No final das contas, é um investimento que se faz na própria saúde — diz Reinstein.




Veja todas as reportagens da série Encare a Crise no calendário abaixo:


 Veja também
 
 Comente essa história