Levy e Barbosa detalharão medidas na quinta-feira na Comissão de Orçamento Valter Campanato/Agência Brasil

Ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e do Planejamento, Nelson Barbosa, anunciaram mudanças nesta segunda-feira

Foto: Valter Campanato / Agência Brasil

Os ministros da Fazenda, Joaquim Levy, e do Planejamento, Nelson Barbosa, vão à Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso Nacional quinta-feira para detalhar as medidas econômicas anunciadas na última segunda-feira pelo governo. A reunião, acertada pela presidente da comissão, senadora Rose de Freitas (PMDB-ES), será às 9h.

Vídeo: E eu com isso? Como os cortes afetam a sua vida

De acordo com Rose de Freitas, a CMO precisa conhecer com detalhes e debater em profundidade as propostas do governo para poder deliberar sobre os projetos que tratam da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e do Orçamento-Geral da União (LOA) para o ano que vem.

Adiamento de reajuste surpreende servidores federais

As duas propostas estão tramitando na comissão e aguardam deliberação dos parlamentares.

— Essa comissão, especialmente, mais do que qualquer outra, tem que conhecer a fundo em que o governo se baseou para tomar certas decisões — disse a senadora. Para o líder do governo na CMO, deputado Paulo Pimenta (PT-RS), o comparecimento dos ministros é "fundamental" para reiniciar a análise das duas propostas.



O deputado Izalci (PSDB-DF) disse que o governo precisa convencer os parlamentares da necessidade de aumento de tributos.

— Vamos priorizar o debate com os ministros, até para eles nos convencerem de que não tem outros cortes para fazer antes de cobrar isso da sociedade.

Se aprovada, nova CPMF vai financiar a Previdência Social

Com o comparecimento dos ministros à Comissão de Orçamento, foi adiada para a quinta-feira da próxima semana, dia 24, a audiência pública com o secretário do Tesouro Nacional, Marcelo Saintive Barbosa, que falará sobre o resultado fiscal do governo.

* Agência Brasil

 Veja também
 
 Comente essa história