Retração do PIB em 2015 passa de 2,70% para 2,80% Porthus Junior/Agencia RBS

Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

O Relatório de Mercado Focus mostrou mais uma rodada de piora das projeções para o Produto Interno Bruto (PIB). De acordo com o documento divulgado nesta segunda-feira pelo Banco Central (BC), a perspectiva de retração da economia neste ano passou de 2,70% para 2,80% - um mês antes estava em queda de 2,26%. Para 2016, a mediana das previsões passou de -0,80% para -1% ante taxa de -0,40% de quatro semanas atrás.

Indústria perde terreno no Rio Grande do Sul
Brasil corta quase 1 milhão de vagas de emprego formal em 12 meses

Segundo o IBGE, o PIB brasileiro caiu 2,6% no segundo trimestre deste ano na comparação com o primeiro e 1,9% ante o mesmo período de 2014. No Relatório Trimestral de Inflação de setembro, divulgado na semana passada, o BC revisou de -1,1% para -2,7% sua estimativa para a retração econômica deste ano.

No boletim Focus desta segunda, a projeção para a produção industrial também mostrou piora significativa: saiu de uma baixa de 6,45% para um recuo de 6,65%. Já para 2016, a mediana das estimativas foi reduzida de uma alta de 0,20% para uma queda de 0,60%. Há quatro semanas, as medianas destas previsões eram de, respectivamente, -5,57% e +0,89%.

Para a relação entre a dívida líquida do setor público e o PIB, a projeção dos analistas também passou por ajustes. Para 2015, caiu de 36,30%, na qual também estava há quatro semanas, para 36,10% de uma semana para outra. Para 2016, a taxa saiu de 39,20% para 39,35%. Há quatro semanas, estava em 38,60%.

Leia as últimas notícias

 Veja também
 
 Comente essa história