Fabiano Aparecido Aimé dos Santos, sargento da Polícia Militar em Balneário Camboriú, foi preso em flagrante nesta sexta-feira. De acordo com a divisão de investigações criminais (DIC) da cidade, foram encontrados na casa de Santos munições de uso restrito da polícia, dinheiro, drogas e materiais usados para o tráfico, além de peças de caça níqueis.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Osnei Valdir de Oliveira, a DIC chegou até Santos porque investigava uma organização criminosa que age em em Santa Catarina e o telefone de um dos investigados estava sendo usado pelo sargento. De acordo com a DIC, durante as abordagens policiais, o PM se apoderava dos produtos apreendidos, como celulares, drogas, dinheiro e equipamentos de casas de jogos.

Ainda segundo o delegado, Santos vendia peças de caça níqueis apreendidas para casas de jogos. Ele ainda teria confessado que carregava drogas dentro da mochila porque era um kit flagrante. De acordo com Oliveira, no armário de sargento, dentro do batalhão, foram encontraram pedras de crack.

De acordo com o comandante do 12 Batalhão, José Evaldo Hoffmann Júnior, a PM colaborou com as investigações e manteve o serviço do sargento normalmente até que o flagrante fosse feito. Santos, que tem 13 anos de corporação, está sendo acusado de tráfico de drogas, peculato e exploração de jogos de azar. Ele deve ficar em um presídio militar até decisão judicial. Se for excluído da PM, poderá cumprir pena em presídio comum.
O SOL DIÁRIO
 Veja também
 
 Comente essa história