A agência norte-americana de medicamentos (FDA) alertou nesta quinta-feira contra os riscos graves, inclusive de morte, provocados por dois remédios contra a hepatite C produzidos pelos laboratórios norte-americanos AbbVie.

A farmacêutica Abbvie identificou casos de insuficiência hepática em pacientes com cirrose que se trataram com os remédios "Viekira Pak" e "Technivie", disse a Food and Drug Administration em sua página na internet.

Alguns destes casos necessitaram de um trasplante de fígado ou foram mortais.

Os casos mais graves foram observados principalmente em pacientes tratados com o Viekira Pak, segundo a FDA.

Assim, a agência federal exigiu que a Abbvie coloque etiquetas de advertência sobre os graves riscos para o fígado que se corre ao ingerir estes medicamentos para tratar a hepatite C, uma infecção crônica do fígado.

Desde que a FDA deu sinal verde para a venda do Viekira Pak em dezembro de 2014 e em julho passado para o Technivie, foram registrados ao menos 26 casos no mundo de problemas graves relacionados a estes remédios.

* AFP

 Veja também
 
 Comente essa história