A equipe médica do Hospital Santo Antônio fez nesta quarta-feira seu primeiro explante de órgãos — procedimento de retirada — de uma criança. A menina de três anos, três meses e 19 dias estava de férias na cidade quando passou mal e foi encaminhada para atendimento médico.

De acordo com a coordenadora da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplantes (Cihdott), a enfermeira Sofia dos Santos, a morte cerebral, causada pela obstrução de uma válvula craniana que ela já possuía, foi constatada na terça-feira após a menina ficar seis dias internada na UTI Pediátrica do Hospital Santo Antônio. Após autorização dos pais, a retirada dos órgãos foi feita nesta quarta-feira.

Durante a cirurgia com duração de quatro horas a equipe especializada retirou rins, fígado e córneas da criança. Os órgãos foram levados pela equipe da SC Transplantes, que acompanhou o procedimento, para Florianópolis. 

— Os pacientes que aguardam na fila de espera e tiverem compatibilidade de altura e peso da criança, além de estarem aptas para receber os órgãos, devem fazer o transplante — conta a enfermeira Sofia.

Natural de Minas Gerais, a família levou corpo da menina, que já foi liberado, para o estado natal onde o corpo será sepultado.
JORNAL DE SANTA CATARINA
 Veja também
 
 Comente essa história