Justiça aceita pedido de Suzane Von Richthofen para progressão ao semiaberto Robson Fernandjes/Agência Estado

Em agosto de 2014, Suzane negou a progressão para o regime semiaberto

Foto: Robson Fernandjes / Agência Estado

A Justiça de São Paulo aceitou o pedido de Suzane Von Richthofen para progressão ao regime semiaberto. Ela cumpre pena de 39 anos pelo homicídio dos pais, em 2002.

Uma decisão da Vara de Execuções Criminais de Taubaté, de agosto de 2014, havia revogado o regime semiaberto para Suzane depois que ela recusou a progressão do regime. Mas a defesa alegou que a jovem se manifestou à época sem assistência jurídica técnica e entrou com recurso.

Suzane Richthofen volta à cela das solteiras após mulher conseguir semiaberto
Suzane von Richthofen se casa com sequestradora na prisão

A decisão também recomenda ao juízo de origem que analise a possibilidade da permanência de Suzane na Unidade Feminina I de Tremembé, onde se encontra atualmente.

A votação foi unânime.

Leia as últimas notícias

*Estadão Conteúdo

 Veja também
 
 Comente essa história