Prefeitura apresenta Plano de Mobilidade de Florianópolis Celina Keppeler/Agencia RBS

Autoridades, políticos e responsáveis pelo projeto estavam presentes na cerimônia

Foto: Celina Keppeler / Agencia RBS

A prefeitura de Florianópolis apresentou na manhã desta quinta-feira, 21, o lançamento dos trabalhos de complementação e detalhamento do Plano de Mobilidade de Florianópolis. O evento, realizado no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), no Centro da Capital, contou com a presença de autoridades e políticos.

Acompanhe as notícias da Grande Florianópolis

O Plano de Mobilidade Urbana Sustentável da Grande Florianópolis (Plamus) agrupou os temas trabalhados em cinco categorias: desenvolvimento orientado do transporte, aquaviário complementar, gestão de demanda e expansão da capacidade viária. A proposta é para que a reestruturação do transporte e melhoria da infraestrutura reduza em 12% o número de carros e aumento da utilização do transporte público.

— Se tivermos condições de mudar essa questão cultural da nossa sociedade e melhorar o transporte público, as pessoas vão deixar o carro em casa — acredita o superintendente de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Florianópolis, Cassio Taniguchi.

Também existem planos para melhoria das servidões e humanização da cidade. Estudos e pesquisas elaborados pelo Plano de Mobilidade Urbana Sustentável da Grande Florianópolis (PLAMUS) estão sendo colocados em prática em conjunto com o Plano de Ação Florianópolis Sustentável.

Medidas práticas e projetos pontuais do que será feito em cada região da cidade não foram apresentados.

Na prática, como será implementado este Plano de Mobilidade, não foi explicado e, provavelmente, a construção das BRTs para melhorar o fluxo viário na Grande Florianópolis deverá começar pela Via Expressa.

Oficinas comunitárias serão realizadas para alinhar interesses entre o poder público e a população a partir do próximo mês. As datas já foram definidas, mas os locais ainda serão divulgados.

HORA DE SANTA CATARINA
 Veja também
 
 Comente essa história