O recebimento de e-mails externos está temporariamente bloqueado pelos servidores do Poder Judiciário de Santa Catarina. Segundo informou o Tribunal de Justiça de SC, trata-se de uma medida de prevenção em função do megaciberataque registrado nesta sexta-feira contra sistemas de comunicação de empresas e de serviços públicos em diversas partes do mundo.

Até o fim da tarde desta sexta-feira, não havia registro de interferência no segmento de tecnologia da informação do tribunal. As audiências da Previdência também foram suspensas nesta sexta-feira em Santa Catarina.

No Brasil, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) foi alvo do ataque, e funcionários foram orientados a desligar os aparelhos. Funcionários do banco Santander e da Vivo também relataram problemas nas redes internas, mas as assessorias negam a informação.

 Veja também
 
 Comente essa história