SC cria 1,8 mil vagas formais de trabalho em abril, diz Caged Salmo Duarte/Agencia RBS

Indústria teve segundo melhor resultado entre os setores econômicos, com saldo positivo de 819 empregos

Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS

Após registrar um resultado negativo em março, quando perdeu 4,6 mil postos de trabalho, Santa Catarina voltou a criar empregos com carteira assinada no mês de abril. Segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado nesta terça-feira pelo Ministério do Trabalho, o Estado teve um saldo positivo de 1.839 vagas formais. Em todo o Brasil, foram criados 59,8 mil empregos no mesmo período.

Outro ponto positivo mostrado pelo Caged é o acumulado do ano. Nos quatro primeiros meses de 2017, o Estado criou 24.065 postos de trabalho, o que indica uma recuperação mais consistente da economia. No país como um todo, foram perdidas 933 vagas entre janeiro e abril. 

Entre os setores econômicos, os serviços tiveram o melhor resultado do mês, com saldo positivo de 1.226 vagas. A indústria da transformação veio na sequência (+819), seguida da construção civil (+384) e do comércio (+327). Por outro lado, a agropecuária perdeu 1.204 empregos formais. 

Por regiões

Na divisão por regiões, o Sudeste liderou o ranking da criação de empregos em abril, com um saldo positivo de 46 mil vagas. A segunda colocação ficou com o Centro-Oeste (+10,5 mil), seguido do Sul (+5,5 mil). Na contramão do resto do país, tanto o Norte (-1,1 mil) quando o Nordeste (-1,1 mil) registraram resultados negativos no quarto mês do ano.

 

 

 DC Recomenda
 
 Comente essa história