Florianópolis tem 111 mortes violentas em 2017: veja os bairros onde os casos ocorreram Cristiano Estrela/Agencia RBS

Morte em frente ao Mercado Público em março foi uma das 111 deste ano na Capital

Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS

Em menos de oito meses, Florianópolis registrou 111 mortes violentas em 2017. O caso mais recente foi na noite de sábado, no Bairro Saco dos Limões. O motoboy Thiago Barleta de Lima, 31 anos, foi assassinado com dois tiros ao ser assaltado depois de fazer uma entrega. Além dele, outras duas pessoas foram mortas em ocorrências no Saco do Limões. A região que teve mais assassinatos, no entanto, foi o Norte da Ilha. Pelo menos 54 casos ocorreram naquela região da cidade, o que representa quase a metade de todas as mortes violentas da Capital neste ano.

O levantamento abaixo, onde você confere as mortes por bairro e com detalhes de cada fato, foi feita pelas reportagens dos veículos RBS SC. A Delegacia de Homicídios da Capital não divulga oficialmente os dados, por isso seis casos contabilizados pela Secretaria de Segurança Pública (SSP) não foram confirmados no levantamento. Mesmo assim, eles estão cadastrados no mapa.

Veja abaixo:

Leia mais notícias:
Norte da Ilha de SC contabiliza 50 mortes violentas em 2017
Indiciado por morte de agente prisional é morto a tiros em Florianópolis
Penitenciária de Florianópolis é atingida por tiros nesta madrugada
Homem é assassinado no norte da Ilha, em Florianópolis, nesta terça-feira

 Veja também
 
 Comente essa história