Há pouco mais de um ano, a loja Passos Automóveis abriu as portas em São José. Mas, do dia para a noite, o cenário mudou. Foi um susto para clientes que tinham deixado o carro à venda. A reportagem é do Jornal do Almoço.

— Eu cheguei na loja, não tinha ninguém. Estava fechada, tinha só vendedores aqui na frente, uma pessoa que se dizia tia do proprietário. Não tinha mais carro, mais nada. E pelo menos uns dez clientes — contou ao JA o engenheiro civil Ricardo da Cunha Pereira, uma das pessoas lesadas.

Ricardo deixou um carro pra ser vendido há cerca de um mês e procurou a Polícia Civil pra registrar a ocorrência:

— Trouxe o carro pra fazer uma venda consignada. Quando aparecesse alguma proposta eles entrariam em contato. Espero reaver meu carro, até porque não assinei recibo de venda, nada.

Segundo clientes e funcionários, todos os carros e materiais foram tirados durante a noite. Ninguém viu a ação. Essa é a quarta loja da mesma empresa fechada em menos de seis meses em Santa Catarina. Filiais em Antônio Carlos e outras duas em São José também encerraram as atividades, deixando funcionários sem o acerto dos direitos trabalhistas e clientes sem os veículos.

Um inquérito foi aberto para investigar o caso, que está sendo tratado como estelionato. Só na  3ª Delegacia de Polícia de São José, mais de 30 boletins de ocorrência foram registrados. O proprietário da Passos Automóveis não foi mais localizado. Por telefone, o JA falou com uma tia dele. A informação é de que um advogado está sendo contratado e deve emitir uma nota sobre o assunto. 

 Diante da situação, fica a dúvida: como se proteger  para evitar dores de cabeça no momento de deixar seu carro para venda consignada? Fabricio Vieira, diretor do Procon de São José, orienta: 

— As pessoas devem procurar empresas que estão há bastante tempo no mercado, que sejam pessoas conhecidas. Que façam os contratos de consignação, que dá uma segurança, porque ali tem o nome da empresa, do proprietário.

Loja de carros em São José é suspeita de aplicar golpe em clientes
Foto: Reprodução / NSC TV


 Veja também
 
 Comente essa história