Na terceira etapa, vão central da Ponte Hercílio Luz é elevado em mais 10,9 cm Leo Munhoz/Diário Catarinense

Foto: Leo Munhoz / Diário Catarinense

A terceira etapa da segunda fase da transferência de carga do vão central da Ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, levantou mais 10,9 centímetros da estrutura na noite desta quinta-feira. Agora, o cartão-postal está 43,6 centímetros erguido. Em fevereiro foram 13 centímetros, na última segunda-feira 8,7 e na terça-feira 11. A última parte do processo, quando as 4,4 mil toneladas estarão içadas, ocorre na noite desta sexta-feira, a partir das 23h. Vão ser mais 9,4 centímetros.

Nesta quinta, os 54 macacos hidráulicos foram acionados às 23h30min. Em 30 minutos a operação foi concluída. Três centrais de bombeamento no vão central são os responsáveis pelo serviço. Na cabeceira insular, técnicos monitoraram em computadores o comportamento das peças. Via assessoria do governo do Estado, o Deinfra disse que a reação interna e resposta dos equipamentos foi dentro do previsto.

VÍDEO: saiba como serão as próximas etapas da obra na Hercílio Luz

 FLORIANÓPOLIS, SC, BRASIL, 10-10-2017: Iníco da segunda etapa de elevação da Ponte Hercílio Luz.
Central de monitoramento das peças durante a transferência de cargaFoto: Leo Munhoz / Diário Catarinense

Próximos passos da obra

Com a conclusão da transferência de carga no final de semana, na segunda quinzena de outubro inicia a retirada dos pendurais, barras verticais do vão central usadas para suportar as barras de olhal. O trabalho vai se estender até o começo de novembro e fará as duas torres cederem entre 7 e 9 centímetros cada uma. Para isso, oito cabos de estaiamento foram instalados. Eles vão segurar as torres durante as retiradas das peças. Em três semanas, apontam os engenheiros da Teixeira Duarte, essa etapa estará pronta.

Será a vez, então, a partir de novembro, de usar novamente macacos hidráulicos. Eles vão levantar as barras de olhal em 70 centímetros cada. Assim, explica Diotallevy, não haverá mais tensão entre elas, o que possibilitará retirá-las sem acidentes. Serão 360 barras de 1,8 mil toneladas cada substituídas. Isso deve ocorrer em duas etapas até fevereiro de 2018 para que comecem os preparativos da colocação das novas peças, a partir de junho.

 FLORIANÓPOLIS, SC, BRASIL, 10-10-2017: Iníco da segunda etapa de elevação da Ponte Hercílio Luz.
Um dos 54 macacos hidráulicos que levantou a ponte; ao lado estão os calços usados para manter a estrutura erguida com segurançaFoto: Leo Munhoz / Diário Catarinense

Leia mais:

Veja a reforma da Ponte Hercílio Luz por dentro

Transporte coletivo terá prioridade na Ponte Hercílio Luz, indicam estudos

Técnicos apresentam próximos passos da reforma da ponte

 Veja também
 
 Comente essa história