A Polícia Militar de Santa Catarina confirmou a primeira morte em decorrência da forte chuva que cai incessantemente em Florianópolis desde a madrugada da última terça-feira. Na manhã desta quinta-feira, um homem ajudava a desentupir um bueiro no bairro Itacorubi quando sofreu um infarto, bateu de cabeça e foi arrastado por uma enxurrada.

De acordo com o tenente-coronel Marcelo Pontes, comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar de Florianópolis, os bombeiros e o SAMU foram acionados e tentaram reanimar a vítima, sem sucesso. No início da tarde,  Pontes confirmou que a vítima é  Valcioni Luiz da Silva, de 59 anos.

Mais tarde, a sobrinha de Valcioni informou que na verdade ele sofreu um infarto enquanto tentava desentupir o bueiro. Por conta disso, em respeito aos familiares, a Defesa Civil municipal, em Florianópolis, informou que a morte não será contabilizada no relatório de ocorrências das chuvas. 

Desaparecido no Morro do Quilombo

A Defesa Civil de Florianópolis também confirmou na manhã desta quinta-feira, 11, que um homem está desaparecido. De acordo com duas testemunhas, o rapaz estava no Morro do Quilombo, no Itacorubi, quando foi arrastado por uma enxurrada e sumiu de vista.

— A guarnição da Defesa Civil foi até lá fazer uma vistoria no local, por conta do risco de deslizamentos, quando foi informada sobre o desaparecimento de um homem. Chamamos os bombeiros e estamos tentando localizar a vítima - afirmou o diretor da Defesa Civil Municipal, Luiz Eduardo Machado.

Segundo Machado, a população deve se manter alerta para o risco de deslizamentos, principalmente, nas áreas mais vulneráveis, como morros e encostas.

* Com informações do repórter Leonardo Gorges

Leia mais notícias da Grande Florianópolis

 Veja também
 
 Comente essa história