O quilômetro 16,800 da SC-418, na Serra Dona Francisca, entre Campo Alegre e Joinville, registrou seu segundo acidente no ano em menos de 72 horas. A saída de pista envolveu um veículo com três turistas de São Paulo, por volta das 22h de terça-feira (9). O trecho é o mesmo onde um casal ficou 36 horas aguardando por resgate após a camionete em que estavam cair na ribanceira.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o local do acidente (primeira curva da descida da Serra) é perigoso e somente no ano passado teve 44 acidentes. A queda na Serra, desta vez, envolveu um veículo Honda City, de São Paulo, onde viajavam três mulheres. A motorista do carro conseguiu subir até a rodovia para pedir ajuda, conforme o Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville. As demais vítimas foram resgatadas pela guarnição.

O atendimento foi feito por nove bombeiros em três ambulâncias. Conforme a guarnição, o resgate foi difícil e durou cerca de três horas porque era noite e estava chovendo. Além da escuridão, o solo encontrava-se escorregadio e tinha neblina.

Para o salvamento foram utilizadas técnicas de resgate vertical, usada para transportar a maca por cordas. Uma das ocupantes do carro, de 25 anos, foi puxada em uma cadeirinha pelas cordas. O veículo estava cerca de 150 metros abaixo da linha asfáltica. Todas as vítimas foram encaminhadas para o hospital.

Leia Mais

"Eles praticamente renasceram", diz filha de casal que ficou 36 horas na mata após acidente em Joinville

SC-418 registra 16 acidentes nos primeiros dez dias de 2018

 Veja também
 
 Comente essa história