Conheça o Prova Real, iniciativa de checagem de fatos da NSC Comunicação /

A partir desta sexta-feira, os veículos da NSC Comunicação lançam uma novidade. O Prova Real, iniciativa de fact-checking (verificação de fatos e discursos) ou debunking (desmistificação de boatos), envolve jornalistas com foco em fortalecer a disseminação de informações verdadeiras e transparentes em Santa Catarina e a participação cidadã. 

Sempre que uma declaração for publicada na mídia tradicional ou na internet, uma suposta notícia viralizar nas redes sociais ou uma imagem levantar suspeitas sobre sua veracidade podem se tornar tema de checagem dos jornalistas.

O foco é qualificar o debate, incentivar a participação cidadã, promover a responsabilidade fiscal, a liberação de dados confiáveis em todas as áreas relevantes para a sociedade, a divulgação de informações públicas objetivas e precisas e estimular a sociedade a disseminar informações verdadeiras. Como consequência, espera-se contribuir para o fortalecimento da democracia e a intensificação de processos transparentes.

– O Prova Real conversa com o nosso propósito e tem como objetivos o enriquecimento do jornalismo e a busca da verdade – enfatiza César Seabra, diretorgeral de Jornalismo da NSC.

Primeiras ações serão publicadas pela manhã

Um evento com formadores de opinião  de Santa Catarina na manhã desta sexta oficializa o lançamento do projeto na sede da NSC Comunicação, em Florianópolis. A metodologia aplicada será um dos temas apresentados aos convidados.

Ainda na manhã desta sexta, o portal NSC Total publica as primeiras checagens do projeto. O manual que explica o passo a passo e a metodologia adotada também estará disponível para consulta. No portal e pelas redes sociais da NSC, o público poderá interagir e testar seus conhecimento sobre notícias falsas respondendo a um quiz.

No Notícia na Manhã, apresentado por Mario Motta na CBN Diário, o tema também será discutido, com repercussão ao vivo do lançamento oficial do projeto.

A NSC TV – primeira televisão do país a fazer fact-checking – apresenta nesta sexta à noite no NSC Notícias uma reportagem abordando as armadilhas das notícias falsas e a importância de estar bem informado. Também inova ao mostrar ao vivo na tela interativa o resultado da checagem do discurso em plenário de um parlamentar catarinense no Congresso Nacional. E no fim de semana, a superedição do Diário Catarinense, Jornal de Santa Catarina e 

A Notícia, além da edição de sábado do Hora de Santa Catarina, apresentam as primeiras declarações e notícias falsas verificadas pelo Prova Real.

Clique e conheça o Manual do Prova Real: o que é checado e a metodologia usada

Foto:

Como os temas são escolhidos

As checagens focarão declarações que foram ao ar ou publicadas pelos veículos. Informações divulgadas em documentos, peças de divulgação ou postadas nas redes sociais também serão verificadas. 

Um time de jornalistas compara as informações com bases de dados públicos, documentos oficiais, pedidos via Lei de Acesso à Informação, pesquisas ou contratos para definir um grau de veracidade ao que foi  declarado. Além disso, especialistas no tema, observatórios sociais, institutos ou órgãos reguladores também serão contatados. A reportagem vai a campo para conferir se o que é dito se reflete na realidade das pessoas. 

O foco são as afirmações, não os autores. O objetivo é confrontar discursos com evidências para qualificar o debate. Após a verificação dos jornalistas, a declaração será classificada com uma das quatro etiquetas do Prova Real para aferir o nível de veracidade: Exato, Não é Bem Assim, É Chute e Não Fecha. 

Os autores das declarações serão ouvidos duas vezes pela reportagem como forma de atestar a transparência do processo. No início da checagem, para que possa esclarecer com detalhes que fontes serviram de base para afirmação, e ao final, como contraponto ao resultado obtido pela reportagem após as verificações.

O público também poderá verificar o trabalho dos jornalistas. No portal NSC Total, todas as checagens serão publicadas com links que remetem a dados ou documentos usados como base para os resultados, além das entrevistas originais.

Jornalistas da NSC passaram por treinamento da Agência Lupa, a primeira do Brasil certificada pela Rede Internacional de Fact-Checking. Para Cristina Tardáguila, diretora da agência, em ano eleitoral, o trabalho ganha ainda mais relevância:

– Na NSC, o telespectador, o leitor e o ouvinte vão encontrar um grupo de profissionais capazes de ouvir o que um político fala e contrastar com a realidade para que ninguém seja alvo de estelionato eleitoral, não seja enganado pelo candidato, para que todos votem conscientes. 


Como acompanhar o Prova Real

As declarações checadas pela reportagem serão destacadas pelos veículos da NSC Comunicação nos jornais, na TV, na internet e no rádio

Foto:

 

Foto:

O Prova Real é a iniciativa de fact-checking e debunking da NSC Comunicação. Você também pode sugerir temas pelo e-mail provareal@somosnsc.com.br ou pelo WhatsApp (48) 99188-2253. Clique aqui e confira mais checagens na nossa página. 

  

 Veja também
 
 Comente essa história