"Não há nenhuma análise, não há nenhuma prospecção de que Santa Catarina possa aumentar os números ou chegar mais próximo desses números (mortes violentas). Os cenários que a gente mapeou são diferentes: não há percepção para esse crescimento da criminalidade em Santa Catarina."

Alceu de Oliveira Pinto Junior,
Secretário de Estado da Segurança Pública, comentava as taxas de mortes no Rio de Janeiro, Ceará e Rio Grande do Norte, um dia antes de assumir a pasta.
Em entrevista ao Bom Dia Santa Catarina, NSC TV, em 19/02/2018 

Exato, prova real, fact-checking
Foto: Artes DC / Artes DC

 A afirmação de que não há projeção de crescimento em relação aos crimes violentos no Estado confere com os dados mais recentes da Segurança Pública. Levantamento divulgado no último dia 2 pela Secretaria de Segurança Pública mostra que Santa Catarina registrou queda nos homicídios durante os últimos meses de janeiro e fevereiro se comparados aos mesmos períodos de 2017. Em janeiro, a redução foi de 8,6%, enquanto em fevereiro a queda foi de 23,4%. Latrocínios também foram menos recorrentes em 2018: caiu de sete para dois casos em janeiro; e de 6 para um caso em fevereiro. As estatísticas de roubos também tiveram queda nos dois meses comparados. 

O Prova Real é a iniciativa de fact-checking e debunking da NSC Comunicação. Você também pode sugerir temas pelo e-mail provareal@somosnsc.com.br ou pelo WhatsApp (48) 99188-2253. Clique aqui e confira mais checagens na nossa página.

Confira outras checagens:

Radar na Avenida Beira-Mar Norte: é verdade?

 Crianças foram parar no hospital por consumir pirulito com energético?

 Veja também
 
 Comente essa história