Pastor é encontrado morto em Leoberto Leal IGP-SC / Divulgação/Divulgação

Machado utilizado no assassinato está sendo analisado pelo IGP-SC

Foto: IGP-SC / Divulgação / Divulgação

Um pastor da Igreja Quadrangular, identificado como Ervino José Scheidt, 31, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira no interior da casa onde morava em Leoberto Leal, na Grande Florianópolis. O corpo tinha marcas de agressão na região do pescoço e um machado, que teria sido usado no crime, também foi encontrado no local. As informações são do G1 SC

Ainda conforme informações repassadas pela Polícia Civil e pelo Instituto Geral de Perícias (IGP) ao G1, nem o carro nem os documentos da vítima foram localizados. A polícia teria sido acionada por vizinhos do pastor por volta das 10h. A residência fica entre as localidades de Rio Antinha e Arroio Rancho. O pastor já estava sem sinais vitais quando a polícia chegou ao local, próximo das 10h da manhã. 

A suspeita é de que o crime teria ocorrido durante a madrugada, mas ainda não se sabe o que teria motivado o ataque. Até o momento, nenhum suspeito foi localizado ou detido. O machado encontrado no local passará por perícia. Segundo o IGP, o pastor pode ter sido morto enquanto dormia. Ainda conforme os peritos, não havia sinais de briga na casa.

Em Leoberto Leal, que fica na extremidade Oeste da região da Grande Florianópolis, o clima é de consternação. Funcionários da prefeitura ouvidos pelo Diário Catarinense relatam que esse é o único assunto na cidade, que no último Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) tinha pouco mais de 3 mil habitantes, desde segunda-feira. 

Grande parte da população conhecia o jovem pastor, que está sendo velado em Alfredo Wagner, distante 25 quilômetros dali, onde ele teria nascido e migrado há aproximadamente quatro anos. O religioso era descrito como uma pessoa calma. Não há nenhum protesto marcado até o momento. 

 Veja também
 
 Comente essa história