Operação em Tubarão e Laguna apreende 300 kg de alimentos e interdita duas cozinhas Polícia Civil / Divulgação/Divulgação

Foto: Polícia Civil / Divulgação / Divulgação

A Operação Consumo Seguro II, realizada na manhã desta terça-feira em duas cidades no Sul do Estado, recolheu alimentos armazenados de forma irregular e lacrou duas cozinhas. A ação da Polícia Civil de Tubarão, através da Delegacia de Trânsito e Crimes Ambientais (DTCA), apreendeu em um posto de combustíveis no centro 300 quilos de alimentos armazenados ou expostos de forma irregular para o consumo. Em Laguna, a operação foi realizada em um restaurante dos mesmos proprietários do posto.

Os alimentos recolhidos no primeiro local eram para consumo na lancheria, e também abasteciam outros postos do mesmo grupo. Essa e uma outra cozinha, no bairro Cabeçudas em Laguna, foram interditadas. No restaurante foram encontrados alimentos sem procedência, reaproveitamento e manipulação irregulares. 

Também participaram das apreensões a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (CIDASC), Fundação do Meio Ambiente (FATMA), Vigilância Sanitária Estadual, Polícia Civil de Laguna e Vigilância Sanitária de Laguna.

Como desdobramento da operação, policiais da DTCA e técnicos da FATMA foram até uma propriedade rural, do mesmo grupo, onde encontraram indícios de crimes ambientais. A área fica no bairro Congonhas e apresentava descarte irregular de esgoto sanitário diretamente em um córrego, além de um depósito irregular de pneus, partes de veículos e embalagens de produtos químicos. 

Os envolvidos irão responder por crime contra a relação de consumo e contra o consumidor, além de crime ambiental.

Leia mais:
Após denúncia, 80 quilos de pescados são apreendidos em Florianópolis
Carga com 375 mil cigarros contrabandeados é apreendida na BR-101 em Santa Catarina
Cerca de 80 postos de combustíveis são notificados em ação de fiscalização da Secretaria da Fazenda em SC

 Veja também
 
 Comente essa história