Projeto Comprova une redações do Brasil para combater notícias falsas nas eleições Mayara Vieira/NSC Comunicação

Cerimônia de lançamento do Comprova ocorreu durante o 13º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo.

Foto: Mayara Vieira / NSC Comunicação

Foi lançado oficialmente nesta quinta-feira (28), em São Paulo, a aliança de 24 redações brasileiras que formam o Projeto Comprova, para monitorar e verificar informações que circulam pelas redes nas eleições presidenciais deste ano. A NSC Comunicação integra a coalizão formada por grandes veículos de mídia do Sudeste, Centro-Oeste, Nordeste e Sul do Brasil. O lançamento do Comprova ocorreu no auditório da Universidade Anhembi Morumbi, na capital paulista, durante o 13º Congresso Internacional de Jornalismo Investigativo.

O Comprova será uma plataforma digital que vai integrar o conteúdo verificado pelas 24 redações no site do projeto. As primeiras publicações na página ocorrerão no dia 6 de agosto e vão se estender até o fim do segundo turno das eleições. Até lá, peças serão produzidas para as redes sociais e internet para engajar o público na proposta.

O objetivo é identificar e explicar rumores, conteúdo adulterado e táticas de manipulação que possam influenciar a campanha para as eleições presidenciais de outubro. O Comprova vai monitorar peças de desinformação compartilhadas em redes sociais, sites e aplicativos de mensagens privadas para fornecer relatos precisos.

Durante o lançamento, na quinta-feira (28), a coordenação do projeto expôs a metodologia do programa e a necessidade de replicar no Brasil ações de jornalismo colaborativo que ocorreram em eleições da França, da Alemanha, do Reino Unido e dos Estados Unidos nos últimos dois anos.

– A razão pela qual nós decidimos fazer o Comprova no Brasil é porque é um país enorme e tem muita informação problemática circulando. Isso é muito conteúdo para uma única redação trabalhar sozinha – explica Claire Wardle, coordenadora do First Draft, projeto da Universidade de Harvard, e uma das coordenadoras do Comprova, ao lado da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji).

A NSC Comunicação vai colaborar com a coalizão na expertise já adquirida com o projeto Prova Real, iniciativa de fact-checking (checagem de discursos) e debunking (desmitificação de boatos) do grupo, lançado em 8 de março e que já verificou declarações de autoridades, como o presidente Michel Temer, os pré-candidatos à Presidência da República e o governo do Estado. Os principais conteúdos do Comprova também serão publicados dentro da página especial do Prova Real.

Além da NSC, participam da iniciativa AFP, Band, Band News, Canal Futura, Correio do Povo, Exame, Folha de S.Paulo, GaúchaZH, Gazeta do Povo, Gazeta Online, Jornal do Commercio, Metro Brasil, Nexo Jornal, Nova Escola, O Estado de S.Paulo, O Povo, Poder 360, Piauí, Rádio BandNews FM, Rádio Bandeirantes, SBT, UOL e Veja.

Como acompanhar as publicações do Comprova

Site oficial

Facebook

Twitter

Confira também a página do Prova Real


Leia também:
NSC Comunicação integra coalizão de 24 veículos para investigar desinformação online nas eleições

 



 Veja também
 
 Comente essa história