Wall Street fechou em alta, impulsionada por um relativo apaziguamento dos temores geopolíticos na véspera de uma avalanche de resultados financeiros de bancos que darão o pontapé inicial na temporada de resultados empresariais.

Enquanto o tecnológico Nasdaq avançou 1,39%, a 7.823,92 unidades, registrando um novo recorde, o índice industrial Dow Jones subiu 0,91%, a 24.924,89 unidades, e o S&P 500 teve alta de 0,87%, a 2.798,29 unidades.

É esperada nesta sexta-feira uma rodada de resultados empresariais que darão início à temporada do segundo trimestre.

Os dados dos bancos Citigroup (+ 0,88%), JPMorgan Chase (+ 0,43%) e Wells Fargo (-0,07%) são esperados para antes da abertura.

Por ora, entre "as 30 empresas do S&P 500 (que) apresentaram seus resultados, os investidores se sentem alentados pelo fato de que mais de 90% delas superaram as expectativas tanto de faturamento, quanto de lucro", disse Sam Stovall, da CFRA.

No mercado da dívida, o rendimento dos bônus do Tesouro americano a 10 anos se mantinham estáveis, a 2,849%, e o dos bônus a 30 anos recuava a 2,945%, contra 2,952% do fechamento anterior.

alb/Dt/gv/yow/ll

* AFP

 Veja também
 
 Comente essa história