O Banco Central publicou nesta segunda-feira, 6, em sua página na internet, dados a respeito do crédito cooperativo e do sistema de consórcio no Brasil. Os números, relativos a 2017, mostram que a participação das cooperativas de crédito aumentou em todos os principais agregados do Sistema Financeiro Nacional (SFN).

"A carteira de crédito apresentou crescimento de 15% em 2017, superando o crescimento observado em 2016, da ordem de 10%, e manteve-se como o principal componente do ativo do segmento", pontuou o BC, em nota à imprensa.

A instituição destacou ainda que o número de cooperados cresceu 8%, "alcançando a marca de 9,6 milhões de cooperados, com destaque para o forte crescimento, de 19%, em pessoas jurídicas". "No final do ano passado, havia quatro confederações, 35 centrais cooperativas, 967 cooperativas singulares e dois bancos cooperativos em atividade no País", acrescentou o BC.

No caso dos consórcios, os dados revelam crescimento de 7,7% da carteira de participantes já contemplados em 2017, em um total de R$ 48,6 bilhões. "Em dezembro de 2017, havia 155 administradoras de consórcios, 18,1 mil grupos e 6,9 milhões de cotas de consorciados ativas", informou o BC.

O "Panorama do Sistema Nacional de Crédito Cooperativo" e o "Panorama do Sistema de Consórcio" são dois relatórios com periodicidade anual.

Esta é a segunda divulgação de cada um deles. No caso do crédito cooperativo, os dados estão disponíveis aqui.

Já o relatório sobre consórcios pode ser acessado neste link.

 Veja também
 
 Comente essa história