O Federal Reserve (Fed, O BC dos EUA) de San Francisco informou nesta sexta-feira que Mary Daly, atual diretora de pesquisa, será a nova presidente da instituição a partir de 1º de outubro.

Ela sucederá John Williams, que dirigiu a instituição a partir de 2011 até a saída no início deste ano, quando se tornou presidente do Fed de Nova York.

Daly, de 55 anos, trabalha no Fed de São Francisco desde 1996, começando como economista de equipe antes de subir na hierarquia, tornando-se diretora de pesquisa em 2017. Ela concentrou seu trabalho em questões do mercado de trabalho, algo oportuno neste momento. Os dirigentes do Fed lutam para entender por quê um mercado de trabalho forte não estimula ganhos salariais melhores e taxas de inflação mais altas.

Ela "é uma das principais autoridades de nossa nação na dinâmica do mercado de trabalho", disse Alex Mehran, presidente do conselho de diretores do Fed de San Francisco, em comunicado. "Sua pesquisa nessa área reflete seu profundo comprometimento em compreender os impactos da política monetária e fiscal nas comunidades e empresas em nível local, regional e nacional".

Com a promoção de Daly, três dos 12 bancos regionais do Fed serão liderados por mulheres.

Daly é Ph.D. em economia pela Universidade de Syracuse em 1994. Fonte: Dow Jones Newswires.

 Veja também
 
 Comente essa história