Eleições 2018: confira o salário dos cargos eleitos no dia 7 de outubro Artes DC/

Foto: Artes DC

No próximo domingo, cerca de 5 milhões de eleitores catarinenses vão às urnas definir os políticos que representarão o Estado, tanto no poder Executivo, como presidente e governador, como no Legislativo, com senadores e deputados federais no Congresso e ainda com os deputados estaduais na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc).

O eleitorado do Estado de SC será responsável por ajudar a eleger o novo presidente, o novo governador, que tem o dever de administrar e defender os interesses de Santa Catarina em Brasília pelos próximos quatro anos, além de definir a renovação de duas das três cadeiras no Senado.

Já na Câmara Federal, SC tem direito a 16 vagas – o número de deputados difere de um Estado para outro de acordo com o tamanho da população – e, na Câmara Estadual, serão eleitos 40 nomes. Nesse caso, o número de cadeiras é calculado com base na quantidade de parlamentares que já representam o Estado em Brasília.

Você sabe quais são as principais funções que cada político eleito terá que desempenhar? Quais são os principais benefícios de cada cargo? Em quantos candidatos é preciso votar? Pelo sim, ou pelo não, confira abaixo detalhes de cada cargo.

Presidente

eleições 2018, presidente
Foto: Artes DC

13 candidatos disputam
1 vaga
O eleitor vota em apenas  um candidato e são dois dígitos na urna

Direitos
- R$ 30,9 mil é o salário do presidente da República do Brasil
- Tem direito a ocupar o Palácio da Alvorada e a Granja do Torto; ter assessores especiais e cargos de confiança; plano de saúde que cobre todas as despesas (até as de familiares diretos); cartão corporativo com limite que varia de acordo com o orçamento; viajar nos aviões da Força Aérea Brasileira, inclusive para viagens particulares.

Principais funções
- Representar o país no mundo e fazer a gestão do Brasil
- Nomear ministros, magistrados e comandantes das Forças Armadas
- Vetar ou sancionar as leis que passam pelo Congresso Federal
- Pensar em políticas públicas

Governador

eleições 2018, governador
Foto: Artes DC

8 candidatos disputam em SC
1 vaga
Eleitor vota apenas em um candidato e são dois dígitos na urna

Direitos
- R$ 15 mil é o salário do governador em SC
- A Constituição Federal estipula que um governador não pode receber nenhuma outra forma de renda além do salário
-  Casa à disposição na Agronômica

Principais funções
- Representar o Estado nas relações políticas, administrativas e jurídicas
- Defender os interesses do Estado
- Garantir recursos em conversas com o presidente e ministros
- Investir em obras de infraestrutura

Senador

eleições 2018, senador
Foto: Artes DC

14 candidatos disputam
2 vagas
Eleitor vota em dois candidatos e são três dígitos na urna
Ao todo, o Senado conta com 81 senadores, três por Estado e o Distrito Federal

Direitos
- R$ 33,7 mil é o salário de cada senador da República
- R$ 5,5 mil de auxílio-moradia por mês, que pode ser usado para aluguel ou diárias em hotel
- Varia entre R$ 353 a R$ 581 o valor das diárias dependendo do deslocamento
- Podem nomear até 11 pessoas para cargos comissionados, além dos seis funcionários efetivos em cada gabinete
- Tem direito vitalício a reembolso das despesas médicas e também das despesas médicas dos cônjuges e dependentes até 21 anos – ou até 24, se forem universitários
- R$ 32,8 mil é valor mensal da cota para o exercício da atividade parlamentar dos senadores de SC, que também já integra o custo com cinco passagens aéreas entre Brasília e a Capital do Estado

Principais funções
- Representar o Estado
- Elaborar, debater e aprovar leis
- Revisar projetos aprovados na Câmara dos Deputados
- Legislar, fiscalizar o trabalho do presidente e deputados, autorizar nomes indicados pelo presidente para cargos importantes e julgar eventuais processos, como os de impeachment

Deputado Federal

251 candidatos disputam
16 vagas em SC
Eleitor vota em apenas um candidato e são quatro dígitos na urna
Ao todo, são 513 deputados

eleições 2018, deputado federal
Foto: Artes DC

Direitos
- R$ 33,7 mil é o salário de cada deputado federal, que ainda conta com uma ajuda de custo equivalente a dois salários, um no início e um no fim do mandato, para gastos com mudança
- R$ 39,8 mil é o valor mensal destinado à cota para o exercício da atividade parlamentar para os deputados federais de SC – o valor varia de Estado para Estado. Algumas das despesas que esse montante cobre são passagens aéreas, telefonia, hospedagem, locomoção, combustível que é limitado a R$ 4,5 mil por mês e segurança, com gasto também limitado a R$ 4,5 mil mensais.
- R$ 106,8 mil por mês é o total que um deputado pode usar para custos com contratação de pessoal. Ao todo, cada deputado pode ter até 25 secretários parlamentares e os salários variam entre R$ 980 e R$ 15 mil
- R$ 4,2 mil é o total do auxílio-moradia dos parlamentares do legislativo federal. Os que moram nas residências funcionais em Brasília, ao todo são 432 imóveis, não recebem o auxílio
- Os deputados federais ainda têm as despesas de saúde, relativas a internação, pagas integralmente e acesso ao plano de saúde dos funcionários sob o custo de R$ 249; cota gráfica, limitado a 120 mil cópias por semestre e, no papel timbrado e pasta personalizada, até 10 mil cópias por semestre, e a assinatura de cinco jornais ou revistas

Principais funções
- Sugerir, modificar e votar projetos de lei
- Autorizar processos de impeachment
- Legislar, fazendo leis em nível nacional
- Fiscalizar, principalmente as ações do presidente
- Representar em Brasília o povo do Estado que o elegeu

Deputado Estadual

469 candidatos disputam
40 vagas na Assembleia Legislativa
Eleitor vota em apenas um candidato e são cinco dígitos na urna

eleições 2018, deputado estadual
Foto: Artes DC

Direitos
- R$ 25,3 mil é o salário de cada deputado estadual
- R$ 4,3 mil é o total do auxílio-moradia dos deputados estadual em SC
- R$ 81,3 mil é o total da cota parlamentar para o gabinete da presidência que é destinada ao pagamento de comissionados – no máximo 10
- R$ 106,8 mil é o total da cota do gabinete parlamentar para pagamento de comissionados - no máximo 22
- R$ 24,1 mil é o total que os secretários da mesa podem gastar com o pagamento de comissionados - no máximo cinco. Nesses valores não está incluído o auxílio-alimentação, educação e saúde
- R$ 41,6 mil é o valor mensal que cada gabinete parlamentar pode gastar com outras despesas, como diárias, passagens, combustível para o deputado, e despesas telefônicas e de almoxarifado, no caso do gabinete.
- As cotas para as lideranças partidárias, que varia de acordo com o número de deputados de cada partido, também varia entre R$ 4,1 mi, R$ 8,3 mil e R$ 12,5 mil

Principais funções
- Fiscalizar o trabalho do governador
- Fazer leis que se aplicam apenas em SC
- Sugerir e votar projetos de lei
- Elaborar o orçamento estadual

Leia mais notícias sobre as Eleições 2018 

Eleições 2018: resultados em SC estão previstos para sair até as 21h

 Veja também
 
 Comente essa história