O candidato do PSB ao governo paulista, Márcio França, atacou o concorrente João Doria (PSDB) e afirmou que o PT e o PSDB se tornaram "faces de uma mesma moeda".

Para França, o paulista já provou que não quer o "45 na urna" e que tem por hábito não votar no PT.

Sobre apoios no segundo turno, França sinalizou que vai buscar o diálogo com Paulo Skaf (MDB), lembrando que ele já foi do PSB.

"Eu fui o primeiro a filiar o Skaf. E eu sei que o coração do Skaf não vai com o Doria de jeito nenhum", afirmou.

 Veja também
 
 Comente essa história