Segurança de supermercado confessa que agrediu cachorro e diz estar arrependido Reprodução / Facebook/Facebook

Foto: Reprodução / Facebook / Facebook

Em depoimento prestado na Delegacia do Meio Ambiente de Osasco, em São Paulo, na quinta-feira (6), o segurança acusado de ter agredido e causado a morte de um cachorro em uma loja da rede de supermercados Carrefour confessou que golpeou o animal. Aos policiais, ele disse estar arrependido.

De acordo com o jornal O Estado de S. Paulo, o homem afirmou que, após ter acertado o cachorro com uma barra metálica, não percebeu que o havia ferido. Ele alegou que teria reparado só depois de ver o sangue no chão. O segurança, então, buscou ajuda e ligou para o Centro de Zoonoses com seu celular pessoal, segundo o depoimento.

O homem relatou ainda que está muito assustado com a repercussão do caso. Ele responderá em liberdade por maus-tratos, com pena de três meses a um ano de detenção e multa.

O caso, ocorrido na última sexta-feira (30), causou revolta nas redes sociais. Em nota emitida nesta quarta-feira (05), o Carrefour afirmou que reconhece o ocorrido e que está auxiliando nas investigações. 

Leia a íntegra da nota

O Carrefour reconhece que um grave problema ocorreu em nossa loja de Osasco. A empresa não vai se eximir de sua responsabilidade. Estamos tristes com a morte desse animal. Somos os maiores interessados para que todos os fatos sejam esclarecidos. Por isso, aguardamos que as autoridades concluam rapidamente as investigações. Desde o início da apuração, o funcionário de empresa terceirizada foi afastado. Qualquer que seja a conclusão do inquérito, estamos inteiramente comprometidos em dar uma resposta a todos. Queremos informar também que estamos recebendo sugestões de várias entidades e ONGs ligadas à causa que vão nos auxiliar na construção de uma nova política para a proteção e defesa dos animais. Obrigada, seguimos à disposição.  

Leia mais:

Artistas usam redes sociais para comentar caso de cão morto em supermercado


 Veja também
 
 Comente essa história