Dois bombeiros morreram, e 37 pessoas ficaram feridas, 10 delas gravemente, neste sábado (12), em uma forte explosão em uma padaria no centro de Paris - informou a Polícia, que aponta um vazamento de gás como possível origem da deflagração.

Cinco feridos se encontram em estado crítico, e ao menos 24 pessoas tiveram ferimentos leves. Entre as vítimas, havia três bombeiros que estavam na área por causa de um vazamento de gás, quando houve a explosão.

"Um dos bombeiros ficou preso vários minutos sob os escombros", disse o chefe dos bombeiros, Eric Moulin.

Segundo ele, os bombeiros "estão explorando toda a zona para ver se não há mais vítimas".

Um incêndio foi o gatilho da explosão, registrada às 9h locais, no distrito IX da capital, perto do Museu Grévin e em uma região com vários hotéis. A potência deflagradora quebrou janelas dos prédios próximos.

Imagens que circulam nas redes sociais mostram a rua coberta de escombros, e chamas saindo do andar térreo.

Tudo indica que se trate de uma "explosão de origem acidental, causada por um vazamento de gás", declarou o procurador de Paris, Rémy Heitz, que foi para a região do acidente junto com outros membros do governo.

As autoridades mantinham um cordão de segurança ao redor do setor, para onde cerca de 200 bombeiros e 100 policiais foram enviados.

* AFP

 Veja também
 
 Comente essa história